Semana temática: Misturando estampas look3

Desta vez, um look noturno que usei para jantar com as amigas no Dia da Mulher. Não quis escrever textão sobre a data, porque achei que não teria nada novo para acrescentar. Ainda assim, diante do discurso do presidente Temer e de tantas aberrações que vemos por aí, vemos que a nossa luta não pode parar.

Fico pensando o quanto é difícil para algumas pessoas se libertarem de conceitos tão enraizados em sua educação, e abrirem suas cabeças para novas realidades e uma nova atitude feminina, que tem coragem de se assumir inteligente, amante, linda, batalhadora, sensual, empreendedora e segurar essa posição de cabeça erguida, com convicção de suas escolhas. Eu não quero escolher entre ser bonita e inteligente, não quero ter q abrir mão de certas futilidades e luxos em detrimento de bagagem intelectual. Quero tudo ao mesmo tempo, não é mesmo?

Tem momentos em que me sinto tão livre e dona de mim, e logo ali adiante me deparo com disparidades que me diminuem e julgam constantemente, muitas vezes mesmo sem a gente perceber, seja no dia a dia do trabalho, diante da roupa curta/justa ou de alguma atitude que tomamos. Foi com essa motivação que escrevi esse texto há alguns anos e deixo aqui para quem quiser ler: Por que a mulher tem um dia para comemorar?

Mas voltando ao look, estamos na semana do mix de estampas pós-carnaval, e eu quis caprichar. Comprei essa blusinha com shape super moderno (e perfume anos 90) na praia e já estava louca pra estrear. Foi aí que logo lembrei da minha pantalona de bolinhas, herança da minha mãe, que faria o par perfeito e divertido com ela.

Nesse look eu combinei a peça de poá P/B, que pra mim é quase como se fosse lisa, com a blusa super colorida. A harmonia de cores é o grande segredo do look, já que a estampa maluca da blusa também tem fundo P/B. Geralmente eu penso em uma combinação na minha cabeça, e testo quando chego em casa, isso dificilmente dá errado.

Esse look ficou bem contemporâneo porque reúne elementos fun, que estão super na moda, é divertido e ao mesmo tempo a predominância do preto e o tecido em crepe da calça deram uma carinha mais arrumada, ideal para a noite.

>> Eu amo quadrinhos e sou super fã desse estilo Pop Art do Roy lichtenstein, bem coloridão e cheio de informação. Em sua obra ele procurou valorizar os clichês das histórias em quadrinhos como forma de arte, colocando-se dentro de um movimento que criticava a cultura de massa. Seus quadros, desvinculados do contexto de uma história, aparecem como imagens frias, intelectuais, símbolos ambíguos do mundo moderno. O resultado é a combinação de arte comercial e abstração.

E esse foi o terceiro look da série Misturando Estampas. Amanhã tem mais!

Anúncios

Os HQ invadiram as ruas. Conviva com isso!

Eu adoro histórias em quadrinhos e quando surgiram as estampas inspiradas em HQ quase surtei. Curto muito esses looks meio fantasias, que te levam pra dentro de histórias e conceitos fantásticos.

Personagens como super-heróis e heroínas, balões e splashs invadiram as ruas pra deixar tudo mais divertido, relembrar o bom e velho gibi da infância e dar um ar retrô pro visual. Levando os Geeks (novos nerds, digamos, descolados) a loucura!

1242

Surgiram com uma cara vintage, super coloridas e acompanhadas de símbolos de super heróis, dos mais clássicos aos endereçados a aficionados em HQs. Andy Warhol e Roy Lichtenstein, ícones do Pop Art, também foram convocados para coexistirem em 2013 em estampas incríveis que são pura arte!

images (1)-horz

LichtensteinRoy-In_the_Car-1963crack-roylichtensteinimages (4)

E tem opções pra todos os estilos: das mais ousadas, às mais cutes e básicas. As misturas são as mais variadas, combinando com tênis, salto, couro, jeans e até em conjuntinhos fofos, sempre deixando o look descontraído. 

E essa moda segue com tudo no inverno, estampando moletons e tricots. É muito amor!
Dá uma olhada:

hq1

page3
pagepage4

page6
mltiplas-estampas

page5

Isso me lembrou que, no mês de março, a Revista Vogue Japão publicou o editorial  “Playing With Color”, inspirada no pintor brasileiro Romero Britto. Aquela mistura de cores e traços que a gente tanto conhece, foi parar nas maquiagens e unhas da modelo Maryna Luchuk, em releitura do Pop Art.  As fotos são de  Lacey e ilustrações de Craig e Karl. Lindo, né?

1-horz

5reproducao36

Outros personagens também entraram em cena e ganharam as ruas, vindos de video-games e filmes. Mas isso é assunto pra oooutro post.

E então, gostaram? Quem se anima a entrar na diversão dos quadrinhos?

assinaturas_blog_lu