Coisas minimalistas que eu sempre fiz e não sabia

Sempre me considerei uma pessoa muito vaidosa, consumista e um pouco impulsiva. Quando via algo que eu gosto, geralmente preferia nem pensar e já sair comprando, depois pensava nas consequências, tipo Delírios de Consumo de Beck  Bloom, sabe? Ok, exageros a parte,  mesmo com pouca grana, acabava me endividando um pouco para comprar coisas q muitas vezes eu nem precisava. E isso tem me feito refletir, botar no carrinho e só tomar a decisão de compra no dia seguinte. Quando vou a uma loja, vou determinada a comprar as peças certeiras, isso ajuda a não meter o pé na jaca.

Estou falando tudo isso porque tive uma mudança de atitude na minha relação com as compras já faz um tempo porque queria economizar para poder viajar mais. Em paralelo, tenho doado muuita coisa e vendido outras. Assistindo diversos vídeos sobre minimalismo, descobri que tenho seguido alguns princípios minimalistas mesmo sem querer. E, mesmo muito longe de me tornar uma pessoa minimalista, tenho diversas atitudes que fazem parte da minha vida e do meu dia a dia que vão de encontro com essa tendência. E, juro, isso me deixou muito feliz!

Então resolvi compartilhar aqui no blog os momentos minimalistas:

1 Nunca compro aplicativos

Com tantos aplicativos legais e gratuitos e os dias cheios, nunca senti a necessidade de comprar um aplicativo. Sou dessas que sempre dá um jeitinho e arranja aplicativos e programas de computadores similares para chegar aos resultados que quero. Dá um Google aí, gente!

2 Não gasto com faxineira, pedicure e depilação

O que eu posso fazer sozinha, prefiro não pagar pelo serviço. Aprendi a fazer as unhas quando fui morar fora e a grana era curta pra estar gastando a toa. Eu não valorizo uma unha tããão bem feita, então… A faxina nem se fala, na capital uma diarista era inviável, e eu preferia botar a mão na massa e ficar com uma graninha extra para sair com os amigos. A depilação veio depois, no início foi um pouco difícil, não ficou tão direitinho, mas peguei o jeito rápido e a cada 20 dias estou lá dando os retoques. Bom, é questão de prioridades, e essas não são as minhas.

3 Não frequento lavanderias

Lavanderia também entra na linha da faxina, a menos que seja um cobertor muito pesado ou um vestido de festa impecável, nunca gasto com lavanderia, prefiro lavar minhas próprias roupas.

4 Compro maquiagem só quando preciso

Blush usado como sombra e como blush

Eu já tive uma quantidade absurda de maquiagens, não podia ver um novo quarteto de sombras e não levar para casa. Tinha 5 rimels, 3 lápis e 4 delineadores, mil sombras e 10 blushs. Só que comecei a me dar conta que tudo estava ficando vencido e eu não estava conseguindo usar. Então simplesmente parei de comprar. Hoje ainda tenho muitas sombras, mas mantenho todas as minhas maquiagens em uma caixa pequena, e procuro manter somente o que está em uso. Além disso, tenho apostado muito em produtos multi-tarefas. Adoro usar uma sombra como iluminador, ou o blush como sombra, isso também ajuda a acumular menos e carregar menos coisas na bolsa.

5 Não compro lançamentos de produtos eletrônicos

Quando vou comprar um novo aparelho celular, busco um modelo intermediário, com um preço razoável, mas que possa me render no mínimo 1 ou 2 anos de uso sem prejudicar o meu dia a dia. Prefiro manter os produtos eletrônicos até estragar, para daí sim procurar outro. Isso para TV, celular, computadores, a menos que fiquei realmente muito antigos, daí não tem jeito, tem que trocar!

6 Costumo comer em casa e carregar lanchinhos

Uma coisa que tenho feito ao longo de anos é tirar os embutidos e comidas prontas da minha dieta. Eles são cheios de conservantes, sódio e porcarias. Também nessa de estar sempre com a grana curta, não tenho o costume de comer muito fora, porque acabo achando um gasto desnecessário. Então, carrego sempre meus lanchinhos que compro muito mais barato no supermercado, ou faço em casa. Dou preferência pra frutas e produtos mais naturais que, consequentemente, não geram lixo.

7 Só tenho roupas que eu realmente uso

Ok, isso é super difícil e muitas vezes acabo descobrindo peças que adoro e uso pouco. Quando isso acontece, já separo aquela roupa para ser usada imediatamente, e invento algum look com ela. Se vejo que não vai ter jeito, já descarto. Outras coisas resolvi vender, já que são peças novas, caras, que tiveram pouco uso e já não tem mais a ver comigo. Para aproveitar ainda mais meu guarda-roupa, gosto de misturar estampas, texturas e peças improváveis. Isso torna as possibilidades quase infinitas. Eu adoro uma promoção, mas tenho procurado também comprar roupas de qualidade, assim duram mais e não precisa ficar trocando toda hora, é difícil resistir a uma blusinha nova de R$20, mas estou tentando – meta do ano!

Tô me achando suuuper minimalista depois dessa lista. Lembrando que minimalismo não é o que a gente usa, e sim uma forma de simplificar a vida!

Cliquem aqui e para visitar minha lojinha no Enjoei.

Anúncios

Semana temática: Misturando estampas look5

E assim encerra a nossa semana de estampas. O look de sexta tem o mesmo formato do anterior, com a blusa listrada dando o tom para segurar o mix com a calça. Nesse caso, é o rosa que faz a ligação entre as duas peças.

camiseta C&A (antiga), calça Animale, tenis All Star

Eu amoo essa mistura, e uso seguidamente. Azul e rosa são as minhas cores favoritas, então vocês já podem imaginar o quanto eu amo esse look, né? O lilás do tênis também ajuda a integrar as peças, como uma cor intermediária, da mesma paleta.

Close da estampa da calça

E, depois de todos esses mix, abro o blog da Carol Burgo e me sinto tão simplinha diante de tanta misturança fashion no look dela. E vejo o quanto tenho ainda a aprender.

Mas acho que já estamos num bom caminho de estilo 😉

Semana temática: Misturando estampas look4

Daí a pessoa tá toda se achando gata e arrasante com o look escolhido especialmente para fotografar para o blog, e… resolve cair o mundo em uma chuva torrencial.

Para não estragar a brincadeira, e já que chuva faz parte da vida, resolvi fotografar molhada mesmo. Afinal, somos gente, somos trabalhadoras, somos de verdade, e tomamos banho de chuva, não é mesmo?

Então aí vai mais um look desta semana temática AND inspiradora.

CAMISETA RALPH LAUREN | SAIA ADIDAS PARA FARM | SANDÁLIA TOK

 

Comprei essa saia da coleção Fugi pra Bali da Adidas para Farm, no carnaval, e estou muito apaixonada. Ela tem uma estampa super linda, é esportiva e super versátil.

Aqui o que funcionou foram as cores que entraram em harmonia. As listras são muito fáceis de combinar, já que fazem a vez da peça lisa, assim como o poá do look anterior. A partir daí foi fácil, a peça floral foi a rainha do look e ficou em destaque com a blusa sequinha e os acessórios neutros. Eu sempre acho que o amarelo combina com dourado, então apostei nas pulseiras e brincos dourados, sandália marronzinha e fechou o look.

Beijos!

 

Semana temática: Misturando estampas look3

Desta vez, um look noturno que usei para jantar com as amigas no Dia da Mulher. Não quis escrever textão sobre a data, porque achei que não teria nada novo para acrescentar. Ainda assim, diante do discurso do presidente Temer e de tantas aberrações que vemos por aí, vemos que a nossa luta não pode parar.

Fico pensando o quanto é difícil para algumas pessoas se libertarem de conceitos tão enraizados em sua educação, e abrirem suas cabeças para novas realidades e uma nova atitude feminina, que tem coragem de se assumir inteligente, amante, linda, batalhadora, sensual, empreendedora e segurar essa posição de cabeça erguida, com convicção de suas escolhas. Eu não quero escolher entre ser bonita e inteligente, não quero ter q abrir mão de certas futilidades e luxos em detrimento de bagagem intelectual. Quero tudo ao mesmo tempo, não é mesmo?

Tem momentos em que me sinto tão livre e dona de mim, e logo ali adiante me deparo com disparidades que me diminuem e julgam constantemente, muitas vezes mesmo sem a gente perceber, seja no dia a dia do trabalho, diante da roupa curta/justa ou de alguma atitude que tomamos. Foi com essa motivação que escrevi esse texto há alguns anos e deixo aqui para quem quiser ler: Por que a mulher tem um dia para comemorar?

Mas voltando ao look, estamos na semana do mix de estampas pós-carnaval, e eu quis caprichar. Comprei essa blusinha com shape super moderno (e perfume anos 90) na praia e já estava louca pra estrear. Foi aí que logo lembrei da minha pantalona de bolinhas, herança da minha mãe, que faria o par perfeito e divertido com ela.

Nesse look eu combinei a peça de poá P/B, que pra mim é quase como se fosse lisa, com a blusa super colorida. A harmonia de cores é o grande segredo do look, já que a estampa maluca da blusa também tem fundo P/B. Geralmente eu penso em uma combinação na minha cabeça, e testo quando chego em casa, isso dificilmente dá errado.

Esse look ficou bem contemporâneo porque reúne elementos fun, que estão super na moda, é divertido e ao mesmo tempo a predominância do preto e o tecido em crepe da calça deram uma carinha mais arrumada, ideal para a noite.

>> Eu amo quadrinhos e sou super fã desse estilo Pop Art do Roy lichtenstein, bem coloridão e cheio de informação. Em sua obra ele procurou valorizar os clichês das histórias em quadrinhos como forma de arte, colocando-se dentro de um movimento que criticava a cultura de massa. Seus quadros, desvinculados do contexto de uma história, aparecem como imagens frias, intelectuais, símbolos ambíguos do mundo moderno. O resultado é a combinação de arte comercial e abstração.

E esse foi o terceiro look da série Misturando Estampas. Amanhã tem mais!

Semana temática: Misturando estampas look2

Com o desafio lançado, corri para o meu guarda-roupa para ver o que eu tinha de roupas estampadas para os próximos looks. Parecia uma tarefa simples, já que estou sempre apostando nos mix de estampas.

Qual foi minha surpresa quando vi um armário com tão poucas opções de roupas estampadas. Uma saia aqui, uma blusa ali e não passa muito disso. Foi aí que lembrei dessas duas peças que poderiam ornar muito bem juntas.

look estampas

VESTIDO CANTÃO | CAMISA FOREVER 21 | SAPATILHA BOTTERO

Pela manhã, tem feito entre 15 e 20°C por aqui, o que muitas vezes pede um casaquinho. E como eu trabalho em ambiente com ar condicionado a mil, sempre gosto de estar prevenida. A camisa xadrez foi a opção perfeita pra trazer modernidade para o look e um toque grunge que tem a minha cara.

As listras são ótimas opções pra quem quer tentar uma mistura de estampas mais básica, já que elas vão bem no mix com xadrez, floral, poás e estampas geométricas e não ficam muito chamativas.

Aproveitei que uma das listras do vestido era azul, e já combinei com a camisa e a sapatilha tudo de uma vez. Facinho, facinho! 😉

Lucia