Como pintei meu cabelo de pink

Uso o cabelo colorido há mais de 10 anos, comecei com algumas mechas vermelhas, para em seguida colorir o cabelo todo de vermelho. Usei o vermelho intenso por três anos, porém como é bem difícil de manter a cor, troquei pro ruivo alaranjado. Me identifiquei muito com a cor, e mantive ela por sete anos, o que virou uma marca registrada minha. “Lá vem a ruiva!”

Há algum tempo eu estava pensando em trocar a cor do cabelo, dar uma mudada. O ruivo, que antes era algo autêntico, além de virar modinha, já estava trivial. Não era mais novidade pra mim. Eu queria ousar de novo, experimentar. Só que, como o meu cabelo é muito escuro e tem tendência a ressecar, fico com receio de fazer descoloração. Arrisco apenas descolorir algumas mechas.

Quando eu estava nesse impasse que descobri uma tintura que me chamou atenção. O vermelho violeta, uma cor entre o marsala e o magenta. Usei a coloração da Igora Royal Schwarzkopf 9.98.

A cor é linda, mas infelizmente te uma duração muito curta no cabelo. Foi aí que lancei mão dos tonalizantes para usar nesses períodos entre tinturas, e o pink entrou na minha vida.

Primeiro comprei o tonalizante Ai que Magenta!, da Lola Cosmetics. Um tom de magenta fechado e lindo que salvou meus dias de cabelo desbotado.

Faço a maior sujeira mesmo, mas em 10 minutos, o cabelo fica rosão. Vale a pena! E na pele, o que mancha sai rapidinho com água quente e sabão, ou ao menos após algumas lavadas.

Depois comprei esse outro produto mágico, o Deep Magenta da Issue. Ele é um rosa bem mais fluorescente, que deixa o cabelo beeem chamativo mesmo. Tenho preferido esse que, além da cor mais intensa, tem uma duração melhor.

O processo é o mesmo: lavo o cabelo antes, depois aplico o produto no cabelo ainda molhado, mexa por mexa, e deixo por 10 minutos à meia hora. Retiro e passo condicionador.

Mesmo assim, os tonalizantes duram em média, no máximo 5 lavadas, por isso são bons mesmo para usar entre a coloração, quando o cabelo vai ficando desbotado. Deixo o meu desbotar beeem, pra que a cor apareça mais. O legal também é que esses produtos são hidratantes, então além de colorir, ajudam a tratar o cabelo. Por ter uma duração curta e terem um preço acessível (um tubo rende de 4 a 5 aplicações pra mim que tenho muuuito cabelo e custam entre R$35 e R$40), é legal variar as cores.

Outra coisa importante, como o meu cabelo desbota muito e fica com uma pigmentação puxando pro ruivo, talvez isso ajude a deixar a cor do tonalizante mais intensa. Essa cor pode variar de cabelo pra cabelo, quanto mais claros estiverem os fios, mais intensa vai ficar a cor.

E assim fiquei pink 😉

Anúncios

2 comentários sobre “Como pintei meu cabelo de pink

Quem gostou, comenta aí

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s